domingo, 6 de janeiro de 2013

Casas do Flamengo: Ginásios de Basquete

Saindo do Futebol, mas dando continuidade à série Casas do Flamengo, a história no Basquete é bastante parecida. Sem casa própria apropriada, o Flamengo vive de muitas casas, sejam emprestadas, alugadas ou cedidas pelo poder público.
----------------------------------------------------------------------------------------------------
Ginásios de Basquete

A primeira grande casa do basquete do Flamengo foi o Maracanãzinho. O ginásio foi construído em 1953 e inaugurado em 1954. Em 1955 viu a morte por infarto de um presidente do Flamengo durante a final do Campepnato Carioca de Basquete daquele ano, tendo desde então passado a se chamar Ginásio Gilberto Cardoso. Tem capacidade para 13 mil torcedores.

Até o fim da década de 1980 era o palco maior das finais do Campeonato Carioca de Basquete. A partir dos Anos 1990, a dificuldade em atrair públicos maiores fez com que as partidas de basquete não fossem mais jogadas lá. A última utilização pelo Flamengo foi na final do Campeonato Brasileiro de Basquete de 2008.

Atualmente é utilizada pelo vôlei, como casa do time feminino Unilever/Rio de Janeiro.


A Arena Olímpica da Barra foi construída para os Jogos Pan-Americanos de 2007. Após os jogos, o banco HSBC ganhou a concorência e passou a explorá-la comercialmente, passando a se chamar HSBC Arena. Tem capacidade para 15 mil espectadores. Foi palco da final do Campeonato Brasileiro de Basquete de 2009, quando foi superlotada pela torcida do Flamengo. Casa dos jogos rubro-negros durante a temporada 2009-2010 do basquete, mas sempre com dificuldade de atrair bons públicos. A última vez que o Flamengo a utilizou foi na final da Liga Sul-Americana de 2010.

 Foto acima: Cláudio Lara (copyright)
 


O ginásio do Tijuca Tênis Clube foi inúmeras vezes utilizado pelo time de basquete do Flamengo. Foi o reduto oficial rubro-negro nas temporadas 2010-11 a 2012-13 da Liga Nacional de Basquete. Tem capacidade para 3.000 torcedores.


O Ginásio Hélio Maurício, na Gávea, e o local de treino do time de basquete. Excepcionalmente também pode sediar jogos de basquete. Tem capacidade para 1.000 torcedores.


Um outro local histórico para o basquete do Flamengo é o ginásio Alah Batista, do Club Municipal, na rua Haddock Lobo, na Tijuca. Sediou diversas vezes jogos do basquete do Flamengo, tendo sido o local da estréia oficial de Oscar Schmidt com a camisa rubro-negra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário