terça-feira, 13 de março de 2018

A História: Flamengo vs Coritiba



A história de confrontos entre Flamengo e Coritiba é relativamente tardia no contexto do futebol brasileiro. Em 1969, ano em que os rivais se enfrentaram pela primeira vez pelo Campeonato Brasileiro, aquele era tão só o sexto jogo entre Fla e Coxa na história.

Os dois primeiros amistosos foram jogados em janeiro de 1936 no Estádio Belfort Duarte, no Alto da Glória, bairro de Curitiba, estádio que teve este nome de 1932 a 1976, quando foi reformado e ampliado, passando ase chamar Estádio Couto Pereira. Os amistosos de 1936 terminaram com duas vitórias do Flamengo (3 x 2 e 7 x 2). Só em 1953 os clubes se enfrentaram por uma terceira vez, num amistoso disputado no Estádio Durival de Brito, também em Curitiba, que terminou num empate por 1 x 1. Mais dois amistosos em Curitiba, um em 1959 com vitoria rubro-negra por 3 x 1, e outro em 1961 com vitória do Flamengo por 1 x 0. Pelo Campeonato Brasileiro, em 1969, o jogo no Estádio Belfort Duarte terminou num empate por 1 x 1.

Se até 1969 a história do confronto tinha total domínio rubro-negro, com 4 vitórias do Flamengo e 2 empates, nos Anos 1970 tudo começou a mudar, com o Coritiba passando adar trabalho e se impondo perante a camisa vermelha e preta. Nos Anos 1970 a hegemonia no confronto foi alvi-verde.


Em 1970, um amistoso no Estádio Belfort Duarte marcou a primeira vitória do coxa-branca no duelo: Coritiba 2 x 1. Pelo Brasileiro de 1971, a primeira partida entre os dois jogada no Rio de Janeiro, no Maracanã houve um empate por 1 x 1. No Brasileiro de 1972, no Belfort Duarte, nova vitória do Coxa, esta por 2 x 1. Em 1973, dois jogos válidos pelo Torneio do Povo, competição amistosa reunindo os clubes de maior torcida nos estados mais ricos do Brasil, um jogo em cada cidade, e duas vitórias do Coritiba por 1 x 0. A sequência hegemônica da camisa alvi-verde se estendeu ao duelo pelo Brasileiro de 1974, quando o Coritiba venceu por 2 x 1. De 1969 a 1975, o time alvi-verde não perdeu nenhuma vez para o Flamengo, em 7 jogos foram 5 vitórias do Coritiba e 2 empates.

Pelo Campeonato Brasileiro de 1975, no Maracanã, o Flamengo venceu por 2 x 0, gols de Tadeu e Luisinho Lemos, e pelo Brasileiro de 78, no mesmo local, venceu por 3 x 1, gols de Cláudio Adão, Toninho Baiano e Adílio. No total dos Anos 1970, 8 confrontos, com 5 vitórias do Coritiba, 1 empate e 2 vitórias do Flamengo.


Nos Anos 1980 e 1990, foi o Flamengo quem teve amplo domínio sobre o clube da capital paranaense. Em ambos os decênios foram seis jogos, com o Fla vencendo quatro em cada período. Entre 1980 e 1999, em 12 jogos, foram 8 vitórias do Flamengo, 3 empates e 1 vitória do Coritiba.

Em 1980 os dois clubes se enfrentaram pela semi-final do Campeonato Brasileiro. O Flamengo venceu a partida de ida por 2 x 0 no Estádio Couto Pereira, em Curitiba. Na partida de volta, com 30 minutos do 1º tempo, o Coritiba vencia por 2 x 0, gols de Vilson Tadei e Aladim, e devolvia o placar. Mas àquele Flamengo, em sua plena Era de Ouro, como jamais houve ou haverá outro, não havia jogo perdido. Nos 15 minutos finais do 1º tempo, o time rubro-negro virou para 3 x 2. Com dois gols de Nunes, um do lateral-direito reserva Carlos Alberto, e outro do atacante reserva Anselmo, o Flamengo fez por 4 x 2 e garantiu, pela primeira vez em sua história, presença numa final de Campeonato Brasileiro. Nos minutos finais, o Coxa ainda fez o terceiro, com Luís Freire.

Jogo Histórico
25.05.1980 - Flamengo 4 x 3 Coritiba

O ano de 1985 foi histórico para o Coritiba, com o clube conquistando o inídito título de Campeão Brasileiro. Naquele campeonato, houve dois confrontos com o Flamengo, uma vitória por 1 x 0 para cada lado, mas com um curiosidade, sempre com o mandante tendo vencido. Era a primeira vez em um jogo oficial que o time alvi-verde vencia ao Flamengo dentro do Maracanã, onde já havia vencido pelo Torneio do Povo em 1973.

No Brasileiro de 1987, no Maracanã, o Flamengo venceu por 3 x 1, com dois gols de Kita. No Brasileiro de 88, no Couto Pereira, empate por 2 x 2 e vitória do Coxa nos pênaltis por 3 x 2 (no campeonato daquele ano, todo empate levava à decisão por pênaltis).


Os clubes depois disto só voltaram ase enfrentar pelas oitavas de final da Copa do Brasil de 1996. O Flamengo venceu no Couto Pereira por 2 x 1, com dois gols de Sávio, e depois houve um empate sem gols no Maracanã, placar que se repetiu no confronto daquele ano válido pelo Brasileiro, desta vez em Curitiba. Na sequência, três vitórias do Flamengo nas três edições seguintes do Brasileirão. Em 1997, 1 x 0 no Maracanã. Em 1998, 3 x 1 dentro do Couto Pereira. E em 1999, 2 x 1 no Maracanã. Uma quarta vitória consecutiva aconteceria no Brasileiro de 2000, um novo 2 x 1, desta vez no Maracanã.


Os Anos 2000, no entanto, foram de pleno domínio do Coritiba no confronto direto contra o Flamengo. Dos 16 duelos entre 2000 e 2009, o Coritiba venceu a metade!

Em 2001, pelas quartas de final da Copa do Brasil, foi a vez do time coxa-branca eliminar ao Flamengo, depois de uma vitória por 3 x 2 no Couto Pereira e um empate por 1 x 1 no Maracanã. Pelo Brasileiro de 2001, vitória do Coritiba dentro do Maracanã, 1 x 0. Pelo Brasileiro de 2002, vitória paranaense por 2 x 1 no Couto, e empate por 1 x 1 no Maracanã. Em 2003, um novo empate por 1 x 1 no Maracanã e uma goleada histórica, no returno, no Estádio Couto Pereira: Coritiba 5 x 0 Flamengo, gols de Marcel duas vezes, Tcheco, Edu Sales e Roberto Brum.

Jogo Histórico
10.08.2003 - Coritiba 5 x 0 Flamengo 

Pelo Brasileiro de 2004, o Coritiba venceu em casa por 1 x 0, e no Rio de Janeiro, no returno, houve um empate sem gols. Em 2005, no turno, em casa, o Coritiba venceu por 3 x 2. De 2001 a setembro de 2005, em 10 jogos, foram 6 vitórias do Coritiba e 4 empates, num amplo domínio do Coxa. No returno do Brasileiro de 2005,o Flamengo venceu por 2 x 1 no Maracanã, interrompendo o jejum contra a camisa alvi-verde.

Pelo Brasileiro 2008, no turno, no Couto Pereira, vitória do Coxa por 1 x 0. No returno, o Flamengo vingou a goleada sofrida cinco anos antes e devolveu os 5 x 0, com gols de Leonardo Moura, Obina, Ibson, do argentino Maxi Biancucchi, e do goleiro Bruno. No jogo seguinte entre os clubes, porém, o Coritiba se vingou e devolveu os 5 x 0, com gols de Bruno Batata duas vezes, Marcos Aurélio, Léozinho e um gol-contra do zagueiro rubro-negro Welington. No returno, no Maracanã, vitória rubro-negra por 3 x 0.

Jogo Histórico
25.10.2008 - Flamengo 5 x 0 Coritiba 


Jogo Histórico
14.06.2009 - Coritiba 5 x 0 Flamengo 



Nos Anos 2010, o Flamengo conseguiu reverter a hegemonia do Coritiba no confronto direto. Pelo Brasileiro de 2011, vitória rubro-negra no Engenhão por 1 x 0, e vitória coxa-branca por 2 x 0 no Couto. No Brasileiro 2012, vitória rubro-negra no Engenhão por 3 x 1, e vitória coxa-branca por 3 x 0 no Couto. No Brasileiro 2013, um empate por 2 x 2 no Estádio Mané Garrincha, em Brasília, e uma vitória do Flamengo dentro do couto Pereira por 2 x 0.

Em 2014, pelo Campeonato Brasileiro o Flamengo venceu duas vezes, 1 x 0 no Couto Pereira, e 3 x 2 no Maracanã. Pelas oitavas de final da Copa do Brasil 2014, o Coritiba venceu por 3 x 0 no Estádio Couto Pereira, placar que o Flamengo devolveu no Maracanã, levando a decisão aos pênaltis, e terminando com vitória rubro-negra por 3 x 2.

O Flamengo voltou a obter uma vitória no Couto Pereira no Brasileiro 2015, 1 x 0, com gol de Eduardo da Silva. No returno, jogando no Mané Garrincha, em Brasília, quem venceu foi o Coxa (2 x 0). No Brasileirão de 2016, Fla 2 x 0 no Couto Pereira, e empate por 2 x 2 no Maracanã. E no Brasileiro 2017, uma vitória para cada lado: Fla 2 x 1 e Coxa 1 x 0.



Nenhum comentário:

Postar um comentário